CURSO ON-LINE

O curso, em parceria com o Instituto de Psicologia e Arte (IPA), é voltado para pessoas interessadas em filosofia (não é necessário conhecimento prévio do tema nem formação na área). No curso, estudaremos a noção de verdade no pensamento do filósofo francês Michel Foucault. Figura proeminente na segunda metade do séc. XX, Foucault dedicou boa parte de sua obra a pensar as consequências da verdade na cultura ocidental. Trataremos de dois pontos fundamentais: a verdade em relação ao discurso e à constituição de si.


CARGA HORÁRIA

30h 
Serão 15 aulas expositivas de 2 horas cada, online e via Zoom (com a gravação e posterior disponibilização das aulas realizadas durante o curso).



Dia da semana: Quartas-feiras
 
Horário: de 20h00 às 22h00 

Duração do curso: de 10 de Março a 23 de Junho de 2021.

Valor: R$ 233,00 mensais


Cadastre seu e-mail para receber o link de acesso da aula on-line e gratuita sobre o pensamento de Foucault, que será ministrada pelo Prof. Marcelo Norberto, no dia 04 de Março, às 20h, pelo Zoom.

Esses dados serão utilizados para entrarmos em contato com você e disponibilizarmos mais conteúdos e ofertas. Caso você não queira mais receber os nosso emails, cada email que você receber, incluirá ao final, um link que poderá ser usado para remover o seu email da nossa lista de distribuição.

Para mais informações, acesse: https://example.com.br/politica-de-privacidade/

SOBRE O CURSO

O tema da verdade está presente em toda nossa vida cotidiana. Dos tribunais ao debate político, das regras que organizam as cidades até a educação que recebemos e repassamos aos nossos filhos, tudo gira em torno deste princípio. E, apesar desta onipresença, nada mais difícil do que dizer a verdade, do que dizer o que é verdade.

Neste curso, recorreremos à obra de Michel Foucault para debatermos este curioso impulso humano pela verdade. A verdade, para Foucault, não é um valor universal e atemporal, mas um acontecimento, uma teia de forças que produz um valor circunstancial e poderoso.

Em A Ordem do Discurso (1970), Foucault tratará da verdade nos discursos. A questão será posta da seguinte forma: quando eu falo, quando me pronuncio, meu enunciado já se encontra sob efeito de várias condicionantes. Há a limitação da linguagem (por exemplo, minha fala respeita regras de sintaxe, gramaticais, etc.), da cultura vigente (não era possível, por exemplo, para um medieval questionar a existência de Deus) ou mesmo da sociedade em que vivo (o empreendedorismo é um valor para uma sociedade capitalista). Poderíamos resumir da seguinte forma: ninguém pode dizer tudo, a qualquer momento, da forma que quiser. Existem regras, limitações, controles que definem um campo possível de atuação. Estudaremos as consequências deste mecanismo de produção de verdades.

Também discutiremos, tendo como base a obra A Hermenêutica do Sujeito (1982), as relações entre sujeito e verdade. Foucault, em um mergulho nos estudos da Antiguidade, proporá uma leitura sobre uma certa compreensão da verdade. Para ele, a Antiguidade concentrou todos os seus esforços para falar da verdade ligada à constituição de si. Para a tradição greco-romana, a verdade está diretamente relacionada ao cuidado de si. É a partir de uma prática de si, de um cuidado consigo mesmo que a verdade se faz presente. Enfim, a verdade estaria menos associada à pura aquisição de conhecimento e mais próxima de um ativo trabalho do sujeito.

OBJETIVO

O curso visa capacitar os participantes a terem uma visão crítica sobre a verdade, mostrando sua constituição histórica, seus perigos quando tomada como um valor universal e incitar a todos a pensarem novas formas de atuação em sociedade. Para tanto, estudaremos duas vertentes da verdade, presentes no pensamento de Foucault: o discurso e a constituição de si.

TÓPICOS DAS AULAS

  • Apresentação do pensamento de Foucault
  • Verdade como jogos de poder (a relação entre saber e poder)
  • A dimensão ética e política da verdade enquanto um portar-se no mundo
  • A noção de verdade: origens e desenvolvimento
  • Relação entre sujeito e verdade
  • Ação como uma verdade possível
  • Discurso: o que pode ser dito e como pode ser dito
  • A verdade a partir do conhecimento e do cuidado de si

DEPOIMENTOS DE ALUNOS

ROMUALDO CRONEMBERGER

Thaís de Sá Oliveira
Psicoterapeuta

O curso oferecido pelo IPA, com o professor Marcelo, traz uma riqueza imensa na discussão do pensamento de Sartre. Imprescindível para quem tem interesse no filósofo e deseja se adentrar nas ideias propostas por ele.
CRIS FRANKLIN

Amparo Salmito
Prof.a Dra Medicina

Essa é mais uma feliz iniciativa do IPA, ao trazer uma reflexão bastante original no pensamento de Foucault, com o Professor Marcelo, mesmo para pessoas que não são da filosofia.
ROMUALDO CRONEMBERGER

Carolina Dhein
Psicóloga

Tive o prazer de conhecer os estudos do professor Marcelo acerca do pensamento de Sartre há algum tempo e desde então venho acompanhando suas reflexões por meio de seus cursos e grupos de estudos sobre a filosofia sartriana. Como psicóloga clínica de base fenomenológica-existencial, posso dizer que a profundidade com que Marcelo conduz suas reflexões, ao mesmo tempo que se coloca de forma clara e dialógica, fornecem uma grande contribuição para meu percurso, sempre em construção.
CRIS FRANKLIN

Fátima Abreu Passos
Matemática

Toda minha vida profissional foi focada em matérias exatas e estudar Filosofia era algo que não estava na minha lista de “what to do”. Meu primeiro contato com a Filosofia de forma mais sistemática, que eu me lembre, ocorreu durante a pandemia. Meu interesse, que foi despertado por algumas lives com a participação do prof Marcelo Norberto, acabou me levando a seguir o curso Leitura de O Ser e o Nada. Foi um mergulho maravilhoso em um mundo novo, novos conceitos e links com interesses diversos como artes plásticas, cinema, etc. Um despertar para a grande aventura do pensamento.
Sou matemática, mestre em Pesquisa Operacional pelo Instituto de Matemática Pura e Aplicada (IMPA). Trabalhei por 34 anos na Petrobras como Analista de Pesquisa Operacional.
ROMUALDO CRONEMBERGER

Mauro Braga
Professor de Direito (UCAM/RJ) e doutorando em Filosofia

Em 2015 tive o prazer de ser seu aluno nesse curso, na disciplina de Fenomenologia. Nessa ocasião, pude constatar o excelente professor que é Marcelo. Extremamente didático, Marcelo consegue transmitir a seus alunos, com clareza e simplicidade, os conceitos mais densos da filosofia. Venho nos últimos anos acompanhando seus cursos. Sempre primando pela excelência, Marcelo Norberto é como vinho. Melhor com o passar dos anos.

BIBLIOGRAFIA

FOUCAULT, M. A Ordem do Discurso. Tradução de Laura Fraga de Almeida Sampaio. São Paulo, Edições Loyola. 

FOUCAULT, M. A Hermenêutica do Sujeito. Tradução de Márcio Alves da Fonseca e Salma Tannus Muchail. São Paulo, Editora Martins Fontes.

Mairo Vergara
Sobre o PROFESSOR
Marcelo S. Norberto, Doutor em filosofia, é professor e pesquisador (CCE/PUC-Rio). Tem trabalhos publicados sobre Filosofia Francesa Contemporânea, com ênfase em Ética e Filosofia Política. Autor de “O drama da ambiguidade - a questão da moral em O ser e o nada” (Edições Loyola/2017), é co-organizador de “Sartre Hoje - 2Vol” (Editora Fi/2017) e “Sartre e a política” (Editora PUC-Rio e Via Verita/2019).
UMA PARCERIA COM
Logo